Ads Top

Pesquisadores descobrem uma lua minúscula em torno de um planeta anão sem nome

NASA, ESA, C. Kiss (Konkoly Observatory), and J. Stansberry (STScI)
2007 OR10 é o maior corpo no Sistema Solar sem um nome comum. Agora, descobriram que o planeta anão - que tem um diâmetro entre 1.290 a 1.528 km - tem uma lua.

Como o nome indica, 2007 OR10 foi descoberto em 2007. É o terceiro ou quarto maior objeto no Cinturão de Kuiper, logo após Plutão, Eris e Makemake. Existe um debate quanto ao seu tamanho. O cientista planetário especialista em planetas anões, Mike Brown, lista o planeta como sendo o quarto maior, enquanto outras estimativas o colocam acima de Makemake em diâmetro. O estudante de pós-graduação de Brown, Meg Schwamb, é quem descobriu esse mundo. É um mundo brilhante, vermelho e gelado que oscila de 33 U.A. (4.950 bilhões de km) a 101 U.A. (15.150 bilhões de km) em sua órbita. (Uma U.A. é a distância entre a Terra e o Sol. Netuno, por exemplo, está a 30 U.A. do Sol).

OR10 tem uma taxa de rotação muito lenta, que escondeu a lua do olho do Hubble por algum tempo. É uma lua grande em comparação ao tamanho de OR10, estimada em 240-400 km de diâmetro. A maior estimativa coloca a lua no limite para obter status de planeta anão, se ela orbitasse o Sol sem a companhia de um planeta. Um corpo é considerado um planeta anão se ele tiver uma forma redonda e estiver em órbita ao redor do Sol e não orbitando outro planeta. A lua é cerca de um quarto do tamanho de OR10, uma proporção semelhante à da Lua e da Terra.

Então agora sabemos que existe um planeta anão sem um nome descente com uma lua bastante grande ao seu redor. Talvez isso se torne um incentivo para ele ganhar um nome comum. 


[Tradução: @difurlan1]


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.