Ads Top

O lado escuro escondido da galáxia espiral NGC 24

NGC 24

NGC 24 é uma galáxia espiral localizada a 25 milhões de anos-luz ao sul da Constelação do Escultor. Este disco brilhante com 40 mil anos-luz de comprimento foi descoberto pelo alemão William Herschel em 1785.

Esta imagem foi feita pelo Telescópio Espacial Hubble, com sua Câmera de Pesquisa Avançada, conhecida também como ACS. NGC 24 é detalhada na imagem, com brilhos azulados de estrelas novas e maciças, linhas escuras de poeira interestelar, e bolhas vermelhas, fazendo-nos notar o hidrogênio ali presente. Pelo perímetro de NGC 24, pode-se ver também muita galáxias distantes.

Contudo, esta imagem pode não estar mostrando tudo o que pode haver ali. Astrônomos suspeitam que galáxias espirais como NGC 24 e a Via Láctea podem estar cercadas por halos de matéria escura. Matéria escura é uma substância misteriosa que não pode ser vista; Ao invés disso, ela se revela através de sua interação gravitacional com o material ao seu redor. Sua existência foi proposta inicialmente para explicar por que as partes externas de galáxias, inclusive a nossa, rotacional tão rápido, como também pensa-se que ela desempenha um papel essencial na formação e evolução de uma galáxia. A maior parte da massa de NGC 24, cerca de 80%, pode estar presa dentro do halo escuro.

Fonte: https://astronomynow.com/2016/09/26/the-hidden-dark-side-of-spiral-galaxy-ngc-24/

[Tradução: @difurlan1]

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.